Saúde é o que interessa - Minha dieta: almoço.

3.5.12

     Dando sequencia a minha saga até chegar ao corpo que estou atualmente, hoje é dia de relatar meu cardápio no almoço e dividir com vocês várias dicas bem interessantes que ajudam a manter a boa forma.
     Como falei, desde que passei a me preocupar com meu peso e minha saúde, mudei muito minha alimentação. Passeia  consumir mais verduras, frutas, legumes e outros alimentos naturais, fazendo desses itens fundamentais em minhas refeições.  No almoço, sempre me sirvo bem de saladas, olhem só as fotos:
Nesse prato, me servi de vagem, peixe grelhado, alface, beterraba, castanhas e arroz integral.
Já neste outro, optei por alface, arroz integral, couve-flor, beterraba, repolho e omelete de legumes. De sobremesa me servi de uma fatia de melão.
     Bem, na semana eu sempre almoço na empresa em que trabalho e lá tem opção de prato light, onde a proteína é preparada com mais cuidado e tem a opção do arroz integral, além de grande variedade de saladas, o que adoro!
     Vejam mais alguns pratos:
Peixe grelhado, arroz integral, pepino, beterraba, vagem e batata inglesa.
 
Torta de frango, baião de dois, cenoura, beterraba e couve-flor.
     Perceberam quantas verduras e legumes ponho no prato? Bem, faço isso porque é nos vegetais que encontramos grande fonte de vitaminas para o corpo. Dica: legumes como a cenoura e beterraba fazem muito bem para a pele, por isso sempre me sirvo deles, pois sempre sofri com pele ressecada, acne e a tonalidade não muito agradável da pele, mas agora a realidade é outra. Minha pele está mais limpa e com uma cor saudável e bonita.
Peito de frango grelhado, arroz integral, purê de batata, batata frita, cenoura e salada de pimentão, milho verde e repolho.
Torta de frango, purê de batata, arroz com brócolis, alface, tomate, batata frita, beterraba com milho verde e ovos de codorna. De sobremesa, duas fatias de abacaxi.
     Nos fins de semana sempre almoço em casa ou em algum restaurante, depende do meu dia, dai quando como fora há sempre mais opções, então tento me controlar pra não exagerar, mas se tem uma coisa que não resisto é a batata frita e purê de batatas, então ponho um pouco de cada, pois a batata é grande fonte de carboidrato, e não é aconselhável para quem quer perder peso ingeri-lo em grande quantidade. Dica: caso você seja louco por batatas também, seja frita, grelhada ou em purê, saiba equilibrar seu prato na hora de se servir, ponha pouco feijão e, corte ou ponha pouco arroz e macarrão, mas somente um, nunca os dois.
Feijão, chuchu, cenoura, alface e repolho, carne moída, linguiça e arroz.
Carne desfiada ao molho madeira, macarrão, salmão, pepino, alface, tomate, chuchu.
     Dica: para temperar a salada, sempre uso azeite, pois trás muitos benefícios ao nosso organismo, além de ajudar a evitar aquela barriguinha. 
     Dica: as opções de vegetais como tomate e de frutas na sobremesa são interessantes pois como eles contém grande quantidade de liquido em sua composição, ajuda no momento da refeição, evitando que você queira ingerir bebidas enquanto se alimenta.
Fatias de manga, alface, macarrão, nuggets de frango e saladinha de cenoura.
     Devemos sempre lembrar que nossa saúde depende muito do que comemos, por isso quanto mais nos alimentamos de itens naturais e leves, nossa disposição e organismo estarão mais ativos. Nosso corpo é um reflexo do que comemos, isso pode parecer clichê, mas não é, sou a prova viva disso. No começo, as mudanças parecem sacrifícios, mas aos poucos nos acostumamos com os novos hábitos alimentares e seus sabores, e o melhor de tudo é quando vemos os resultados.
Pene ao molho branco com brócolis, milho verde, champigons e frango. 
     Essa foto acima foi de um almoço daqueles pra extravasar, sabe?! Mas também, uma vez ou outra a gente merece se presentear com uma delicias dessas, não é? Ainda mais sendo do Spoleto!
     Bom gente, vocês viram quantas opções diferentes podemos ter na hora do almoço, basta ter cuidado com as combinações no prato e criatividade, quanto mais colorido for seu prato (por alimentos naturais), mais saudável e nutritivo ele é. 
     Volto a repetir, não ponha arroz e macarrão em grande quantidade junto com o feijão, pois todos contém grande quantidade de carboidrato, porém o feijão tem ferro. Tomar líquidos enquanto se alimenta não faz bem para digestão e você acaba se sentindo inchado e o pior, ele é o responsável por aquela barriguinha indesejável. 
     Para sobremesas, sempre há aqueles doces que nos tentam a pecar, mas se soubermos nos controlar podemos encontrar ótimas formas de substituir o açúcar por frutas, minha preferidas como opção para após o almoço são o abaxaci, melancia e kiwi, pois eles possuem bastante liquido em sua composição e ajudam na digestão, mas até as frutas devem ser consumidas com cautela.
     Por hoje é só, agora vamos almoçar porque esse post a essa hora abriu o apetite, né?



Comente com o Facebook

2 comentários:

  1. Adorei. Vou começar um diário tb, fica bem fácil ver onde está errando e estar sempre motivado a comer de maneira saudável, mas não vou publicar por enquanto, hehe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu publiquei pq fiz um diário mesmo, toda semana tinha uma parte da minha dieta, vc viu que as vezes dava uma escapadinha, né? huaha

      Excluir

Então, gostou? Me diz o que achou.

Rede Socias

Sigam Nosso Facebook

Entre Eles - 2017 • Todos os direitos reservados • Host: Blogger • Desenvolvido por Quercio Santos
topo