Para Tomar Com Um Café - Comer, Rezar e Amar.

24.8.11

     Hoje. a indicação de leitura é pra quem gosta de histórias verídicas, com um enrredo romântico, aventureiro e moderno. Vou falar do livro Comer, Rezar e Amar, da escritora Elizabeth Gilbert.


     Este livro relata a grande aventura de Liz (a autora) por três países, tendo o intuito de fazer com que esta encontre os prazeres físicos, sentimentais e espirituais. A cada passagem, Liz conhecia coisas novas, através de experiências e pessoas que ia conhecendo.
     A primeira parada foi na Itália, conhecida pela sua tradicional gastronomia. Em Roma, ela aprendeu a falar italiano, estudou a gastronomia local bem intimamente, fazendo-a engordar 11 quilos, que segundo ela, foram os mais felizes de sua vida. Conheceu várias pessoas, criando assim um animado ciclo de amizade, o que tornava cada refeição uma diversão.
     Após 4 meses conhecendo as maravilhas italianas, Liz partiu para Índia, onde ela pôde explorar sua espiritualidade mais a fundo com a ajuda de uma guru indiana. Na Índia, Liz tinha uma rotina bem diferente. Acordava cedo, fazia trabalhos domésticos, e participava diariamente de momentos espirituais. O que Liz não esperava era conhecer um cowboi texano muito inteligente, que apelidara de "Sacolão", pelo fato dela comer bastante e a partir daí essa dupla dividia diversos momentos de seus dias juntos, tornando-os grandes amigos.
     Liz havia se programado para passar um ano como mochileira, viajando e absorvendo novas culturas e sua última parada foi em Bali, onde ela encontrou o equilibrio entre o prazer oferecido pelo o mundo e a paz espiritual que conseguimos quando nos entregamos inteiramente na bondade. Liz já conhecia Bali, e voltou para lá devido o convite feito por um velho xamã. Ao chegar em Bali, Liz foi a procura do xamã, do qual se tornou discipula.
     A surpresa desta viagem não ficou só por conta dos amigos dos quais ela se envolveu e ajudou. Em Bali,  Liz ajudou uma família que conheceu, através de uma "campanha" que ela realizou para angariar fundos para a construção de uma casa. Ela, de certa forma, se tornou um membro da familia do velho xamã, mas o que Liz menos esperava era que no fim de toda sua aventura, ela iria se apaixonar.
     Realmente, antes de começar sua viagem, Liz não estava passando por bons momentos. Tinha se divorciado a pouco tempo e o que não estavam em seus planos, definitivamente, era um envolvimento com um homem, mas o destino é assim, põe pessoas em nosso caminho e quando percebemos, já estamos apaixonados.
     Muitos já ouviram falar deste best seller, ele é um sucesso mundial, mas confesso que a história poderia ser mais envolvente, menos monótona. Com uma experiência dessas, de viajar para três lugares totalmente diferentes, muitas pessoas poderiam encher páginas e mais páginas de muitas histórias divertidas e intensas, mas minha intenção não é desestimular vocês, pelo contrário, se tiverem oportunidade, leiam este livro. Ele nos ajuda a relaxar e certamente, você irá torcer para que no fim, Liz se encontre e seja feliz.
     Sim, ia esquecendo... O livro serviu de inspiração para o filme homônimo, mas dentre os dois, prefira a leitura, é bem mais agradável. Espero que gostem da dica, BGS e até mais ;*

Comente com o Facebook

3 comentários:

  1. Atualmente eu estou lendo o livro "Querido John" que é maravilhosooooo ...
    Esse ai eu já comprei.E assim que eu terminar esse vou começar!
    beijinhu

    ResponderExcluir
  2. Eu assisti o filme e amei.
    Desde então fiquei louco pra ler o livro.
    Assim que tiver um tempinho livre,
    o farei.

    :*

    ResponderExcluir
  3. Paty, já vi o livro Querido John, tbm quero ler.
    Anônio, o filme é bom, mas o livro é melhor.
    Espero que gostem!

    ResponderExcluir

Então, gostou? Me diz o que achou.

Rede Socias

Sigam Nosso Facebook

Entre Eles - 2017 • Todos os direitos reservados • Host: Blogger • Desenvolvido por Quercio Santos
topo