Originalidade é tudo.

10.7.11

     Tenho certeza que na hora de fazer compras, você dá preferência aos produtos originais, certo? Bem, espero que a resposta seja sim. Mas na hora de curtir uma pessoa? Seja pra fazer amizade, namorar, conviver ou até mesmo admirar, a originalidade dela é fundamental, concordam?
     Bem, muitas pessoas consideram a cantora Lady Gaga, que dispensa grandes apresentações, como uma superstar original e autêntica. Mas será mesmo?!
     No começo, Gaga era original, fazia um excelente trabalho, mas depois de alcançar o #1 da Billboard pela primeira vez com o hit "Just Dance", ela percebeu que sua música por si só não era o bastante para mante-la no alvo da mídia, até porque ele trabalhou meses para conseguir isso, então ela tratou de ridicularizar o babado. É, porque pra mim tudo isso é ridículo.
     Confesso que até o hit "Paparazzi", Gaga chamava minha atenção, porém depois daí ela caiu no meu conceito. Sempre forçando causar polêmica em suas entrevistas onde declarava absurdos, como por exemplo: "Tenho medo de minha criatividade sair a pela minha vagina no ato sexual", ou se transformando em motivo de piadas, criticas e deboches pelas fantasias usadas em aparições, a jovem Stefani não mede esforços para ser alvo da mídia, ela quer mesmo é aparecer, não importa como.
     Gente, não estou fazendo uma critica a pessoa que a Lady Gaga é, até porque creio que ela seja muito mais que isso, mas o que critico aqui é a mudança de atitude que ela teve com o tempo, onde ela deixou de ser uma cantora pop para virar um ícone que causa controvérsias e escândalos por onde passa.
     Bem, e ainda dizem por ai que outras cantoras loiras, gostosas e "loucas" são produtos pré fabricados pela mídia (risos). É, se manter sua personalidade durante anos de carreira é ser um produto, estão certos. Se amadurecer profissionalmente de acordo com as influencias é falta de originalidade, é bom rever seus conceitos, pois nós devemos sempre evoluir e não mudar, perder nossa essência.
     Deixando as particularidades de lado, trago pra vocês a última cópia feita por Gaga, vejam:

 Foto tirada da cantora Lady Gaga há algumas semanas indo para aula de ioga. Beeem original, certo?

Foto da cantora Porcelain Black meses atrás, antes mesmo de lançar seu primeiro single. Bem, notem que pela diferença de tempo, ela copiou a Gaga, certo?

     Pois é gentchy, é como eu falo, ORIGINALIDADE, não é um produto que você pode comprar e ter. Ser original é ser você, independente de como seja, afinal, como você não existe ninguém. Tem coisa mais original que isso? Não mesmo.
     Não perca sua personalidade por nada, isso não valerá a pena. Cedo ou tarde você sentirá que o que te fazia bem, agora te deixa vazio e sem ânimo, afinal você perdeu sua essência.

Comente com o Facebook

5 comentários:

  1. Bem, discordo na parte que você alfineta Gaga por sua falta de autenticidade. Imagino que você saiba que ela não é a única a buscar inspirações de outras pessoas que marcaram a mídia. O que não me surpreende, até porque ela faz isso muito bem, e com maestria. Me surpreenderia sim, se ela "imitasse" a Britney, aí sim, seria descer para um nível inferior. E você bem sabe que assim como a Gaga, a Britney tb segue alguém. Não venha dizer que ela é original, pq tb não é. Cantoras originais já morreram há tempos, o que existem hoje são cópias aperfeiçoadas, nada mais. A diferença que eu vejo na Gaga é por ela se diferenciar no quesito vestimenta. Só criticam e comparam-na com alguma outra celebridade. É claro, virou moda investigar as roupas de Gaga para saber se ela copiou de alguém. Não me surpreende. Mas vejamos, Gaga não se veste nada natural, foge do padrão, e consequência disso, sempre associarão sua imagem a de alguém com um look parecido (exótico). Já Britney prefere ser "comum" nesse quesito, para não chamar a atenção dos críticos, já que falta tantos quesitos nela dignos de uma artista: voz, criatividade, composição, dança.
    Se Gaga copia, Britney tb o faz. Mas Gaga inova, soube trazer coisas antigas e esquecidas pro cenário atual, coisa que a Moda sempre faz, não é à toa que ela desenha e cria a maioria de suas roupas, além de performer, ela é estilista, e além de influenciar no mercado da moda, dá sua contribuição para gays e pessoas que sofrem crise de identidade.
    ... E quem é Britney? Uma loira de aplique no cabelo que devia por logo uma peruca na cabeça e assumir, que não canta, não dança e não inova. A única coisa que escapa mesmo é o cd tão sintetizado que sua voz mal aparece, e o que salva são os samplers.
    Imagino que você deva saber tudo sobre Gaga para postar essa alfinetada (ou não?).
    Enfim, não estou aqui para defender nem apontar ninguém. Só para lembrar que, se alguém Gaga não é original, Britney, nem Madonna tb não são. Digo isso pq conheço as cantoras das décadas de 30, 60 e 80. E só abro minha boca para falar de algo quando conheço.
    ... E ao meu ver, originalidade é algo que se perdeu faz tempo! Ou você reinventa o que já existe ou cairá no mundo do esquecimento. Então veremos quem fica.

    E quem precisa de números na Billboard para quem tem TALENTO?! Conheço muitos outros artistas fora do mainstream, que tem talento de sobra, e que não precisam de números ou fãs para serem bons no que são. E acredite, são maiores em muuitos quesitos. Melhor nem comparar, seria injusto e desnecessário.
    O que coloca uma pessoa no topo não é o talento, é um fenômeno chamado Alienação. É fácil apontar o dedo para alguém, mas difícil perceber que tem 3 dedos seus voltados para si.
    Ah, e chega dessa história de Gaga versus Britney. Chega de apontar os erros dos outros, melhor é vermos os erros de QUEM A GENTE GOSTA, pq só vendo esses erros para gostarmos deles de verdade.

    ResponderExcluir
  2. Ps: Perdoe-me se fui ou pareci efusivo. Não foi uma intenção deliberada. Mas foi em resposta ao teu post, que tb pareceu assim. <3

    ResponderExcluir
  3. Bem, creio que seu comentário não foi sobre o post, mas sim em defesa da Gaga, e com intuito de me atingir (particularmente), certo? O que quis dizer, você não soube captar, a essencia de cada um! Se Gaga copia, é fato. Porém se Britney copia, pode até ser, mas ela é uma artista com mais de 13 anos de estrada, tida como ícone em todos os quesitos. Não cantar ou dançar como vc diz, isso hoje não improta, pois se importasse, ela não estaria viva no show bussines até hoje. Ao falar de originalidade, não limito meu post só nas roupas de Gaga, usei isso como uma ponte para abordar o tema, que é algo mais profundo. Quero falar da personalidade de cada um, do comportamento e não se alguém vestiu a mesma blusa que outra pessoa já tem, isso seria inutil.

    ResponderExcluir
  4. Não ataquei você em particular, mas a atitude de falar vagamente de algo.
    O tópico é vago, e não pareceu ser uma ponte para falar de Originalidade, até porque você se limitou a falar somente de Gaga e compará-la a vestimentas de outra pessoa.
    Seria muito mais produtivo, se colocasse um texto enriquecedor dizendo o que é originalidade para você, em vez de expor sua opnião sobre alguém, e daí dizer o que é Originalidade. Você fugiu do tema principal. O seu post parece mais atacar a cantora, do que expor sua opnião sobre o tema em questão, percebido o exposto, pequeno e último parágrafo, destinado ao tema.

    ResponderExcluir
  5. Bem, creio que o blog é algo pessoal, então o dono posta o que quer. Daí quem lê está percebendo a opinião do escritor. Não vou usar textos de outras pessoas, afinal, este blog é pessoal. E creio que não ataco somente a cantora, mas uso ela como exemplo de falta de originalidade e modelo de apelação e desespero para garantir midia.

    ResponderExcluir

Então, gostou? Me diz o que achou.

Rede Socias

Sigam Nosso Facebook

Entre Eles - 2017 • Todos os direitos reservados • Host: Blogger • Desenvolvido por Quercio Santos
topo